Resultados
Médicos
Mensagens
Minhas Consultas Horários disponíveis
Assistente
Participe dos nossos grupos no whatsapp

Encontre tudo que você deseja saber sobre cirurgia plástica.


Qual a sua dúvida?

Respostas

Tratamentos para remoção de cicatrizes


Escolher por um tratamento capaz de proporcionar a remoção de cicatrizes pode garantir a elevação do amor próprio ao mesmo tempo que devolve a liberdade.

Pensando nisso, separamos uma lista de principais opções de tratamentos, para escolher aquela que melhor se encaixa no seu perfil.

Vamos começar?

Cirurgias:

Para começar essa lista, vale a pena falar sobre os procedimentos cirúrgicos.

Na maior parte das vezes, as cirurgias são recomendadas para cicatrizes extensas, que não seriam eliminadas através de outros tratamentos.

Nesses casos, o procedimento consiste em remover a cicatriz através do corte e junção dos tecidos, fazendo com que a pele se regenere.

Entretanto, é preciso optar por essa opção apenas quando outros tratamentos não são indicados, já que todas as cirurgias envolvem uma série de riscos e desvantagens, como as chances de infecções.

Ao mesmo tempo, o resultado de um tratamento cirúrgico pode ser uma cicatriz menor do que a que você tinha antes, podendo esta ser eliminada através de tratamentos menos invasivos.

Remoção de cicatrizes com Dermoabrasão:

A dermoabrasão é um dos tratamentos que mais chamam a atenção do público, principalmente por ser um dos mais indicados para cicatrizes de acne.

Mais importante que isso, também é indicado para marcas de catapora e outras, como sulcos, ou irregularidades no tecido.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, o procedimento é altamente indicado para amenizar e eliminar bordas elevadas ou corrigir cicatrizes provindas de cirurgias e outros tratamentos.

Em síntese, muito utilizado em marcas de espinhas e acne, de procedimentos cirúrgicos bem como de manchas de sol.

A remoção de cicatriz acontece através do uso de uma máquina elétrica que tem partículas de diamantes ou um tipo de escova metálica.

Seguindo essa linha, a máquina é capaz de raspar a camada superior de pele.

Algo semelhante a um lixamento.

Durante o procedimento, o profissional define qual o momento mais seguro para parar a raspagem, fazendo com que as mascas fiquem menos visíveis.

Neste cenário, a camada mais superior, que é onde as principais marcas estão, é eliminada, fazendo com que a pele mais jovem fique visível.

Vale ressaltar que esse tratamento incentiva o crescimento de novos tecidos, que não possuem marcas.

O que deixa a pele, visualmente, mais bonita e livre de cicatrizes.

Procedimentos a laser:

O laser é considerado uma das técnicas pioneiras no tratamento de cicatrizes, marcas de expressão e outras.

De maneira geral, a máquina utilizada é capaz de emitir feixes de luz de alta energia, podendo chegar a camadas mais profundas da pele.

Pensando nisso, é comum que essa opção seja utilizada para remover manchas mais antigas, como de sol ou marcas de expressão, mas também é indicada para manchas escuras, remoção de pelos, cicatrizes e outras.

É importante dizer que o tratamento a laser tende a estimular a produção de colágeno na pele.

Quando isso acontece, os tecidos daquela área ficam mais firmes, evitando e reduzindo a flacidez, que também contribui para que as marcas fiquem mais visíveis.

Portanto, você terá uma pele com aspecto mais jovem, firme e naturalmente bonito, como uma nova pele.

Porém, existem diversos tipos de tratamento a laser, sendo que é necessário consultar um especialista para descobrir a melhor opção para o seu quadro.

Na maior parte das vezes, o laser é empregado para estimular a produção de colágeno.

No caso de marcas, o foco está em promover um tipo de lixamento natural da pele e estimular a produção de novas células de tecido.

Remoção de cicatrizes com peeling químico:

Ainda que tenha um nome que pareça invasivo, o peeling químico é feito de maneira externa, focando na camada mais superficial da pele.

Sendo assim, o profissional, geralmente dermatologista, faz uso de uma série de produtos, como ácidos, que serão aplicados na pele.

Através desses produtos, o tecido sofre uma série de reações, que estimula a produção de células de tecido e colágeno.

Em resumo, ocorre uma descamação do tecido, fazendo com que a nova camada esteja mais uniforme e bonita, promovendo a melhora na aparência e redução de marcas e cicatrizes.

Vale dizer ainda que o peeling químico, na maior parte das vezes, é feito após uma série de outros cuidados.

Em termos simples, o profissional faz a limpeza e análise da pele, aplica um mecanismo capaz de fazer microfuros no tecido e depois aplica o produto.

Com esses furinhos, que são imperceptíveis a olho nu, o produto atinge toda a pele de forma mais profunda, melhorando os resultados.

Importante

Devido aos produtos utilizados durante o peeling químico, é essencial conversar com o seu dermatologista sobre os cuidados a serem tomadas, como evitar o sol ou utilizar cremes e protetores.

Esses cuidados garantem o melhor resultado, evita inflamações ou aparecimento de manchas e permite que a sua pele se mantenha saudável.

O peeling químico nunca deve ser feito em casa, sem a supervisão de um profissional.

Microagulhamento e peeling mecânico:

Antes conhecido como peeling mecânico, o microagulhamento passou por uma série de avanços, consistindo em uma nova técnica para cobertura de cicatrizes.

Nesse caso, são utilizados aparelhos que possuem agulhas minúsculas, que são passadas no tecido e causam microfuros, como os citados no tópico anterior.

O microagulhamento estimula a produção de colágeno para a reparação da pele.

Assim, um novo tecido começa a se formar, livre de marcas e linhas.

É importante dizer que muitas são as lojas e pessoas que vendem aparelhos que simulam o microagulhamento, para que você faça isso em casa.

Entretanto, o uso não é recomendação, já que, ao invés de proporcionar a remoção de cicatrizes, você pode acabar com novas marcas, inflamações ou até infecções no tecido.

Todos os tratamentos para a pele requerem cuidados e um certo nível de conhecimento.

Justamente por isso, é essencial conversar com um profissional, tanto para fazer o que pode ser feito e solicitar dicas de tratamentos a serem seguidos em casa.

Importante

Também existem opções de preenchimentos, quando a cicatrizes, não pode ser eliminada, permitindo que a pele fique mais lisa e uniforme.

Enfim, ficou na dúvida?

Comenta aqui embaixo para que eu possa lhe ajudar ou aproveite para compartilhar os seus resultados.

Grande abraço e até o próximo post!




Transcrição do vídeo



Atenção: esse artigo não substitui a avaliação médica!

Compartilhe!

Este artigo foi útil para você?

Sim Não

Mais sobre: Cicatrizes, Tratamentos, Procedimentos cirúrgicos, Cicatriz, Pele, Riscos, Infecções, Tinha, Dermoabrasão, Acne, Cicatrizes de Acne, Catapora, Manchas, Laser, Tratamento de Cicatrizes, pelos, Remoção de pelos, Colágeno, Flacidez, Natural, Peeling, Dermatologista, Reações, Cremes

Respostas de médicos

Comentários
Sugestões